Programas Apoio Emprego

  • Associação para a Cidadania, Empreendedorismo, Género e Inovação Social

    A ACEGIS reconhece-se enquanto entidade de referência nas áreas estratégicas da cidadania, inclusão, igualdade de género, empreendedorismo e inovação social. Intervimos ativamente pela construção de uma sociedade mais justa, paritária e inclusiva!

  • A escravatura moderna engloba conceitos como o tráfico humano, servidão, trabalho forçado, trabalho infantil, casamento forçado, exploração sexual, exploração para pagamento de dívida. 2 de dezembro - Dia Internacional da Abolição da Escravatura Artigo - Associação ACEGIS 40,3 Milhões: o número da vergonha da escravatura moderna no século XXI Uma em cada quatro vítimas de […]

IEFP lança novo período de candidaturas aos Estágios Profissionais

17 Novembro, 2017
/ / /
Comments Closed

IEFP lança novo período de candidaturas aos Estágios Profissionais

A iniciativa visa apoiar a inserção de jovens no mercado de trabalho e a reconversão profissional de desempregados através de uma experiência prática em contexto de trabalho.
Candidaturas de 15 de novembro 2017 a 3 de janeiro 2018.
Medida Estágios Profissionais - Segundo período de candidatura
15 de novembro 2017 a 3 de janeiro 2018

 
A Medida Estágios Profissionais visa apoiar a realização de estágios profissionais por desempregados inscritos no IEFP, contribuindo, nomeadamente, para apoiar a inserção de jovens no mercado de trabalho e a reconversão profissional de desempregados através de uma experiência prática em contexto de trabalho.
A dotação orçamental para o segundo período de candidaturas é de 36,65 milhões de euros, podendo candidatar-se à medida pessoas singulares ou coletivas, do setor privado, com ou sem fins lucrativos.
As candidaturas podem ser efetuadas até 3 de janeiro de 2018, no Portal Netemprego, na área pessoal de cada entidade registada neste portal.
No presente período de candidatura as entidades promotoras podem, ainda, apresentar os pedidos de concessão do Prémio ao Emprego pela celebração de contrato de trabalho sem termo com ex-estagiários das medidas Estágios Emprego e REATIVAR, devendo efetuar o registo prévio da oferta de emprego no portal acima indicado, antes da celebração do contrato com o ex-estagiário e da realização do pedido de apoio.
 
Mais informações e esclarecimentos podem ser obtidos através do Centro de Contacto, disponível todos os dias úteis das 8h00 às 20h00, telefone: 300 010 001
Faça da ACEGIS o seu portal de carreira e emprego na área da economia social e solidária.
Subscreva gratuitamente a nossa newsletter e receba no seu email toda as nossas notícias e artigos.

FIQUE A PAR DAS NOSSAS NOTÍCIAS! 

Indique o seu endereço de email para subscrever a nossa newsletter e receber notificações de novos artigos por email.

Junte-se a 10.930 outros subscritores

Associação para a Cidadania, Empreendedorismo, Género e Inovação Social
© ACEGIS, direitos reservados.
Informação e atualidade no âmbito da Economia Social e Solidária.

 

Read More

StartUP Santander Jovem atribui 50 bolsas de estágio

25 Outubro, 2017
/ / /
Comments Closed

Startup Santander Jovem – Programa de Estágios

Programa StartUP Santander Jovem atribui 50 bolsas de estágios em startups a estudantes até aos 28 anos.

Os/as candidatos/as devem ter completado uma licenciatura, mestrado ou mestrado integrado há menos de dois anos.
Bolsa mensal no valor de 550€ e Seguro de Acidentes Pessoais.

StartUP Santander Jovem atribui 50 bolsas de estágio

O Banco Santander Totta e a Fundação da Juventude vão atribuir 50 bolsas de estágio através do Programa StartUP Santander Jovem.
Com este Programa, os recém-diplomados complementam a sua formação, colocando em prática, em ambiente empresarial, os conhecimentos adquiridos ao longo da sua formação académica.
Este programa inovador destina-se a jovens diplomados há menos de 2 anos, de cursos com grau de licenciatura, mestrado ou mestrado integrado, com idade máxima de 28 anos.
Para além do estágio, os/as candidatos recebem uma bolsa mensal de 550€ e estão coberto/as por um Seguro de Acidentes Pessoais.
Os estágios têm a duração de 3 meses e decorrem em startups, a nível nacional. Para além do estágio, os/a candidatos/as recebem uma bolsa mensal no valor de 550€ e beneficiam de um Seguro de Acidentes Pessoais.
As entidades de acolhimento são obrigatoriamente Startups que estejam dispostas a acolher estagiários pelo período de 3 meses e assumir o papel de entidade acolhedora de estágio As Startups devem preferencialmente estar inseridas numa Incubadora pertencente à Rede Nacional de Incubadoras (RNI).
Os objetivos destes programas de estágios são:
Facilitar e complementar a formação académica dos recém-diplomados possibilitando a sua permanência e continuidade em empresas de referência;
Facilitar o acesso ao 1º emprego dos recém-diplomados;
Permitir às Startups, com capacidade e solidez de conhecerem e formarem estagiários com formação superior durante o período de 3 meses, podendo vir a contratar diplomados já com experiência na sua área de atividade.
Podem candidatar-se diplomados/as há menos de 2 anos, de cursos com grau de licenciatura, mestrado ou mestrado integrado, com idade máxima de 28 anos.
A iniciativa está aberta a todas as startups no país mas o programa dá prioridade a entidades pertencentes a uma incubadora da Rede Nacional de Incubadoras.
 

Candidaturas

 
As candidaturas aos estágios decorrem por via eletrónica através da seguinte plataforma: ms.fjuventude.pt/startupjovem/.
A partir de 29 de novembro de 2017 os/as recém-diplomados/as podem-se candidatar às vagas existentes.
As candidaturas só terminam quando se concretizarem 50 estágios. As vagas para estágio são atualizadas diariamente. 

 


 

Formulário de Inscrição (Empresas)

Contactos

Para mais informações ou esclarecimento de dúvidas relacionadas com o Prémio, poderão contactar-nos através do e-mail candidaturas@pvu.pt ou do telefone 913 604 515 (dias úteis, das 9h às 13h e das 14h às 18h). 

Associação para a Cidadania, Empreendedorismo, Género e Inovação Social
© ACEGIS, direitos reservados.
Informação e atualidade no âmbito da Economia Social e Solidária.

 

Jogo Educativo – Cidadania 4kIDS! Uma forma divertida de aprender Cidadania.
Ao COMPRAR está a APOIAR a Associação ACEGIS!
 

 

Read More

Abertura de candidaturas | Medida de Qualificação das Pessoas com Deficiência e Incapacidade

19 Outubro, 2017
/ / /
Comments Closed

Regiões do Algarve e de Lisboa e Vale do Tejo.

Encontram-se abertas, de 16 de outubro a 14 de novembro de 2017, as candidaturas aos apoios no âmbito da Medida de Qualificação das Pessoas com Deficiência e Incapacidade, para as regiões do Algarve e de Lisboa e Vale do Tejo.

Medida de Qualificação de Pessoas com Deficiência e Incapacidade

Aquisição e o desenvolvimento de competências profissionais orientadas para o exercício de uma atividade no mercado de trabalho, tendo em vista potenciar a empregabilidade das pessoas com deficiência e incapacidade.

.

Aviso de Abertura de Candidaturas 2017/2020
O Instituto do Emprego e Formação Profissional, I.P. (IEFP, IP) informa de que decorre, de 16 de outubro a 14 de novembro de 2017, o período para apresentação de candidaturas referentes às seguintes ações no âmbito da Medida de Qualificação de Pessoas com Deficiência e Incapacidade:
  • Região de Lisboa e Vale do Tejo - projetos de duração máxima de 36 meses (formação inicial - percursos A e C e formação contínua) para ações a iniciar em 2017 e nos anos seguintes não podendo, em caso algum, ultrapassar 31 de dezembro de 2020.
  • Região do Algarve – projetos de duração máxima de 36 meses (formação inicial - percursos A, B e C e formação contínua) para ações a iniciar em 2017 e nos anos seguintes não podendo, em caso algum, ultrapassar 31 de dezembro de 2020.

 

Candidaturas

Os respetivos Avisos de Abertura de Candidatura, legislação de suporte, formulários de candidatura e respetivas orientações para elaboração das candidaturas encontram-se disponíveis neste portal.
A entrega de candidaturas é efetuada diretamente nos respetivos Serviços Regionais do IEFP, I.P.:
  • Delegação Regional de Lisboa e Vale do Tejo do IEFP, I.P. | Direção de Serviços de Emprego e Formação Profissional R. das Picoas, 14 1069 - 003 LISBOA
  • Delegação Regional ao Algarve do IEFP, I.P.| R. Dr. Cândido Guerreiro, 45 – 1.º - Edifício Nascente 8000 - 318 FARO

Associação para a Cidadania, Empreendedorismo, Género e Inovação Social
© ACEGIS, direitos reservados.
Informação e atualidade no âmbito da Economia Social e Solidária.

 

Jogo Educativo – Cidadania 4kIDS! Uma forma divertida de aprender Cidadania.
Ao COMPRAR está a APOIAR a Associação ACEGIS!
 

 

Read More

Fundação Calouste Gulbenkian lança novo programa de bolsas

28 Setembro, 2017
/ / /
Comments Closed
Bolsas Gulbenkian Mais

Mais do que uma bolsa, um programa de aceleração

A Fundação Calouste Gulbenkian lança em outubro novo programa de bolsas que apoia jovens com as melhores notas e menos recursos financeiros promovendo competências como a inteligência emocional e a capacidade de liderança.
Candidaturas de 01 e 23 de outubro de 2017

.

Novo programa de bolsas integra formação desenvolvida e testada na Google
A Fundação Calouste Gulbenkian lança em outubro novo programa de bolsas que apoia jovens com as melhores notas e menos recursos financeiros, promovendo competências como a inteligência emocional e a capacidade de liderança através de uma formação desenvolvida e testada na Google.
Mais do que uma bolsa, este é um programa de aceleração, que prepara os estudantes para carreiras de sucesso, promovendo a igualdade de oportunidades.
O Programa tem como objetivo apoiar a formação académica de jovens de elevado potencial que não disponham dos necessários recursos económicos para o prosseguimento dos seus estudos em cursos de licenciatura e mestrado. Serão atribuídas até 40 bolsas.

A quem se destina?

Estas bolsas são dirigidas a estudantes de todo o país que se candidatam pela primeira vez à universidade e que têm uma média de entrada superior a 18 valores.
Só os melhores alunos/as com maiores necessidades financeiras poderão candidatar-se às Bolsas Gulbenkian Mais e os estudantes selecionados terão acesso a uma formação certificada em inteligência emocional e liderança, a mentores e a sessões de networking com outros bolseiros Gulbenkian.
Condições de elegibilidade
Jovens que se candidatem pela primeira vez ao ensino superior com nota de acesso igual ou superior a 18 valores. É obrigatória a candidatura à bolsa da DGES.
Como concorrer
Os candidatos devem preencher e submeter o formulário, acompanhado da documentação referida no respetivo regulamento.

.

Read More

PO CH alarga prazo de candidaturas aos Cursos EFA

1 Setembro, 2017
/ / /
Comments Closed

PO CH alarga prazo de candidaturas aos Cursos EFA

Informamos as entidades interessada para a alteração e novo prazo de candidaturas aos Cursos EFA.
O período para apresentação de candidaturas passa a decorrer até às 18h00 de dia 21 de setembro de 2017.


Novo: Prorrogado o prazo de candidaturas aos Cursos EFA
O prazo para a apresentação de candidaturas aos Cursos EFA foi prorrogado até às 18 horas do dia 21 de setembro de 2017.
A Autoridade de Gestão do PO CH decidiu pelo alargamento do prazo para a submissão das candidaturas aos Cursos EFA, estando as alterações refletidas no respetivo Aviso de Abertura de Concurso POCH-70-2017-06.
A prorrogação do prazo encontra-se justificada na Deliberação nº 13 da Comissão Diretiva, de 31-08-2017 e fundamenta-se pela necessidade de estabilização da rede dos Cursos EFA de forma a garantir que as entidades beneficiárias sejam detentoras da informação completa relativamente às necessidades de formação a ministrar tendo em conta a articulação entre esta modalidade e os encaminhamentos realizados no âmbito dos Centros Qualifica.
Os cursos EFA apresentam-se como uma ferramenta de aprendizagem e qualificação ao longo da vida, que permite a qualquer adulto completar o ciclo de ensino não superior ou que deseje obter uma certificação profissional.
Consulte o documento de FAQ, que reúne as perguntas e respetivas respostas que nos têm sido colocadas com maior frequência sobre esta candidatura e que pretende auxiliar no esclarecimento de dúvidas.

Dúvidas ou questões adicionais relacionadas com o presente concurso devem ser remetidas para o suporte do Portugal 2020.
Para mais informações em PO CH – Programa Operacional Capital Humano.

 

Read More

48.ª edição do Programa Talentos em Livre Trânsito | Inscrições Abertas

30 Agosto, 2017
/ / /
Comments Closed

48.ª edição do Programa Talentos em Livre Trânsito | Inscrições Abertas Talentos em Livre Trânsito é um programa de capacitação dedicado ao auto-conhecimento e auto-desenvolvimento, com o foco principal na empregabilidade, seja por conta própria ou por conta de outrém. O workshop decorre entre 25 de setembro e 4 de outubro, na Associação Sol do […]

Read More

Convite para apresentação de candidaturas a Bolsas do Ensino Superior

9 Agosto, 2017
/ / /
Comments Closed

Convite para apresentação de candidaturas a Bolsas do Ensino de Ensino Superior a Alunos/as Carenciados/as.

As operações a apoiar enquadra-se no Eixo Prioritário 2 – Reforço do ensino superior e da formação avançada do Programa Operacional Capital Humano (PO CH), incidindo em Bolsas Individuais de Doutoramento e Pós-Doutoramento.
Este apoio visa contribuir para o aumento da percentagem de estudantes apoiados pela Ação Social no ensino superior e atingir os 124.000 estudantes; e de aumentar para 40% a percentagem de pessoas entre os 30-34 anos com formação de nível superior, ou equivalente.
A dotação de Fundo Social Europeu (FSE), a alocar ao presente aviso, é de 84.000.000M€ (oitenta e quatro milhões de euros).
Convite para apresentação de candidaturas à Tipologia de Operação Bolsas Individuais de Doutoramento e Pós-Doutoramento. 
O presente aviso enquadra-se no objetivo especifico do Programa Operacional Capital Humano que visa aumentar o número de diplomados/as do ensino superior, melhoria da qualidade das ofertas e reforço da orientação para as necessidades do mercado de trabalho.
As operações a apoiar enquadra-se no Eixo Prioritário 2 – Reforço do ensino superior e da formação avançada do Programa Operacional Capital Humano (PO CH), incidindo em Bolsas Individuais de Doutoramento (BD), Bolsas de Doutoramento em Empresas (BDE) e Bolsas de Pós-Doutoramento (BPD).
São elegíveis todas as bolsas de doutoramento, doutoramento em empresas e pós-doutoramento em curso no novo período de programação.
Estes apoios deverão estar maioritariamente alinhados com a estratégia nacional para a especialização inteligente (ENEI) ou com outras prioridades políticas nacionais e ainda contribuir para o aumento do número de doutorados e de pós-doutorados no mercado de trabalho não académico, com particular destaque para o tecido empresarial, dotando as pequenas e médias empresas (PME) e as grandes empresas de recursos altamente qualificados que permitam incrementar a exportação de produtos e serviços baseados no conhecimento científico e tecnológico e na criatividade.
Este apoio visa contribuir para o aumento da percentagem de estudantes apoiados pela Ação Social no ensino superior e atingir os 124.000 estudantes,  conformidade à Meta do Plano Nacional de Reformas (PNR) e da Estratégia Europa 2020, nomeadamente com o objetivo de aumentar para 40% a percentagem de pessoas entre os 30-34 anos com formação de nível superior, ou equivalente.
Destinatários/as
São destinatários(as) destas operações pessoas individuais que satisfaçam as condições de acesso necessárias ao ingresso em ciclo de estudos conducente à obtenção do grau académico de doutor (bolsas de doutoramento – BD e bolsas de doutoramento em empresas- BDE) e pessoas individuais detentoras do grau académico de doutor, para realizarem trabalhos avançados de investigação no âmbito de instituições científicas portuguesas de reconhecida idoneidade (bolsas de pós–doutoramento – BPD).
O presente convite para a apresentação de candidaturas é destinado exclusivamente à Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), I.P., enquanto beneficiária responsável pela execução das respetivas medidas de política pública, na aceção prevista no artigo 39.º do Decreto-Lei n.º 137/2014, de 12 de setembro, e nos termos definidos na primeira parte da alínea c) do artigo 23.º do RECH.
O período de candidaturas inicia-se a 09 de Agosto de 2017 e termina a 08 de Setembro de 2017  para alunos/as carenciados/as das regiões de intervenção do POCH, Norte, Centro e Alentejo.

AVISO POCH-68-2017-12
Acesso Balcão 2020 para submissão de candidaturas
As dúvidas ou questões relacionadas com as candidaturas devem ser remetidas para o endereço de correio eletrónico poch@poch.portugal2020.pt, ou para o suporte do Portugal 2020.
Para mais informações, clique aqui.
Read More

Passaporte Qualifica | Mais Qualificação, Melhor Emprego

20 Julho, 2017
/ / /
Comments Closed

Passaporte Qualifica |Mais Qualificação, Melhor Emprego

Passaporte Qualifica encontra-se disponível para as entidades de educação e formação, enquanto ferramenta de apoio à dinamização e gestão das suas ofertas, nomeadamente na adequação das mesmas às necessidades dos seus públicos-alvo e territórios de intervenção.

 


Passaporte Qualifica
O Passaporte Qualifica é um instrumento (digital) de orientação e registo individual de qualificações e competências, que permite, não só, registar as qualificações obtidas pelo adulto ao longo da sua vida, mas também simular percursos de qualificação possíveis e organizar o percurso de qualificação efetuado ou a efetuar, em função das qualificações que o indivíduo pode obter e da progressão escolar e profissional que pode alcançar, identificando as competências em falta, por forma a possibilitar a construção de trajetórias de formação mais adequadas às necessidades de cada indivíduo, de entre as diferentes trajetórias possíveis.
O Passaporte Qualifica destina-se:
– a adultos com idade igual ou superior a 18 anos que procurem melhorar as suas qualificações, tendo em vista, nomeadamente, a conclusão do ensino secundário e/ou a obtenção de uma qualificação profissional;
– a jovens, entre os 15 e os 29 anos, que não estejam empregados, nem a estudar ou a frequentar formação (Jovens NEET).
O Passaporte Qualifica é um instrumento (digital) de orientação e registo individual de qualificações e competências, que:
– Regista as qualificações e competências adquiridas ou desenvolvidas ao longo da vida (esta informação poderá ser consultada detalhadamente no Registo Individual de Competências – RIC);
– Simula e apresenta diversos percursos de qualificação possíveis para a obtenção de novas qualificações e/ou progressão escolar e profissional, a partir da capitalização dos resultados de aprendizagem que o adulto já alcançou e das competências que adquiriu até ao momento;
– Sugere diferentes trajetórias de formação (escolar, profissional ou de dupla certificação) ou de reconhecimento, validação e certificação de competências (processo de RVCC) que o adulto poderá escolher para a conclusão da meta de qualificação que selecionou;
– Identifica as unidades de formação concluídas e respetivos pontos de crédito que capitaliza de formações anteriores, para a qualificação pretendida;
– Lista as unidades de formação e respetivos pontos de crédito em falta para a obtenção do percurso selecionado;
– Informa quais as Entidades de Educação e Formação onde o adulto poderá encontrar a oferta de formação que selecionou ou os Centros Qualifica onde poderá realizar um processo de RVCC, tendo como referência o seu local de residência (ou outra à sua escolha) e a data da sua pesquisa.

O Passaporte Qualifica encontra-se disponível para as entidades de educação e formação, enquanto ferramenta de apoio à dinamização e gestão das suas ofertas, nomeadamente na adequação das mesmas às necessidades dos seus públicos-alvo e territórios de intervenção.
Este instrumento torna-se assim de suma importância para as entidades de educação e formação, uma vez que permite a divulgação e promoção das suas ofertas educativas e formativas e, desse modo, um potencial aumento do número de formandos/as.
Nesse sentido, reforçamos a necessidade do registo atualizado de todas as formações a realizar, com vista a uma mais ampla divulgação e um maior ajustamento entre a oferta e a procura.

.

Programa Qualifica.
Mais Qualificação, Melhor Emprego

Passaporte Qualifica poderá ser acedido a partir do Portal Qualifica www.qualifica.gov.pt ou diretamente no sítio da Internet especificamente criado para o efeito:www.passaportequalifica.gov.pt
Para mais informações, clique aqui.
Read More

Candidaturas Programa INOV Contacto – Estágios Internacionais

19 Julho, 2017
/ / /
Comments Closed

Candidaturas Programa INOV Contacto – Estágios Internacionais

22ª edição – 2017/2018
Novo: Alargamento do Prazo das Candidaturas Programa INOV Contacto até 4 de outubro de 2017.
Documentos para download:
Regulamento Candidatura ao Programa INOV Contacto
Formulário Candidatura ao Programa INOV Contacto
.
Para mais informações, clique aqui.

Read More

Jovens NEET: Estratégia Nacional Jovens que não estudam, não trabalham nem frequentam formação

4 Julho, 2017
/ / /
Comments Closed

Jovens NEET: Estratégia Nacional Jovens que não estudam, não trabalham nem frequentam formação

No âmbito do programa Garantia Jovem, o Instituto de Emprego e Formação Profissional apresentou a Estratégia Nacional de Sinalização, plano a quatro anos, para encontrar soluções para os jovens que não trabalham e não estudam. 
Existem cerca de 175 mil jovens inactivos em Portugal.


Até 2020, o Governo quer chegar a 30.000 jovens que não estudam, não trabalham, não frequentam qualquer formação profissional (os/as chamados/as “nem nem”) e que não estão inscritos nos centros de emprego.
No âmbito da Estratégia Nacional de Sinalização de Jovens que não estudam, não trabalham( NEET), o Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) está a criar uma rede de parceiros com o objetivo de trazer para o sistema educativo ou profissional pelo menos 30 mil jovens que não estudam, não trabalham, nem frequentam qualquer formação.
Existem cerca de 175 mil jovens inactivos em Portugal.
A Estratégia foi  delineada para um prazo de quatro anos e que pretende alcançar pelo menos 30 mil dos 67.500 jovens nesta situação – e que são uma parte dos 175.900 até aos 30 anos que não estudam, não trabalham, nem frequentam formação profissional (dados do INE referentes ao 1º trimestre de 2017).
Esta é uma estratégia a desenvolver no âmbito do Garantia Jovem, e tem como principal objetivo proporcionar aos jovens entre os 15 e os 29 anos que não se encontrem a estudar nem a trabalhar, uma oportunidade para apostar na sua qualificação e estar em contacto com o mercado de trabalho, no prazo de quatro meses após a inscrição no ‘site’ do programa ou nos seus parceiros.
A estratégia visa, sinalizar os jovens inativos, “afastados do sistema formal de educação, formação e emprego, não registados no serviço público de emprego”  e pretende alcançar pelo menos 30 mil dos 67.500 jovens nesta situação.
Para este efeito, Portugal contou com o apoio da Organização Internacional do Trabalho (OIT) para a realização de um trabalho de definição de uma estratégia integrada de sinalização e apoio aos jovens NEET.
Programa – Garantia Jovem
O  IEFP através da iniciativa Garantia Jovem, propõe-se alargar a rede de parceiros (cerca de 1500 em todo o território continental) que, no terreno, dão um importante contributo para a sinalização e atendimento dos jovens mais “afastados do sistema”, nomeadamente autarquias, associações de juventude e instituições particulares de solidariedade social.
Até junho de 2018, esta iniciativa estará presente em vários meios e suportes publicitários, canais offline e online, além de disseminar testemunhos de jovens bem-sucedidos em vídeo que participaram nas diferentes respostas do programa Garantia Jovem. Estará ainda presente nas escolas secundárias com uma abordagem preventiva.
Para mais informações, clique aqui.

 

Read More

Abertura do primeiro período de candidatura da medida Estágios Profissionais

16 Maio, 2017
/ / /
Comments Closed
Abertura do primeiro período de candidatura da medida Estágios Profissionais
Novo: Prorrogação do período de candidatura até 31 de julho de 2017

Decorre até 31 de julho de  2017 a primeira fase de de candidaturas à nova medida Estágios Profissionais.

Governo estima apoiar 4.000 estágios profissionais.


Decorre até 31 de julho de 2017 a primeira fase de de candidaturas à nova medida Estágios Profissionais.
Medida do Governo “Estágios Profissionais” tem duração de nove meses e destina-se sobretudo à inserção de jovens no mercado de trabalho ou à reconversão profissional de desempregados.
A primeira fase de candidaturas à medida Estágios Profissionais arranca esta terça-feira e decorre até 16 de junho, e tem uma dotação orçamental de 18,8 milhões de euros para apoiar 4.000 estágios profissionais.

 

Destinatários/as da medida:
Condição Geral:
Inscrição nos serviços de emprego do IEFP, na qualidade de:
  • Desempregados/as;
  • Trabalhador/a com contrato de trabalho suspenso, com fundamento no não pagamento pontual da retribuição.
Grupos
a) Jovens com idade entre os 18 e os 30 anos, inclusive, detentores/as de uma qualificação de nível 3, 4, 5, 6, 7, ou 8 do Quadro Nacional de Qualificações (QNQ);
b) Desempregados/as há mais de 12 meses, com idade superior a 30 e menor ou igual a 45 anos, desde que reúnam uma das seguintes condições:
  1. tenham obtido há menos de três anos uma qualificação de nível 3, 4, 5, 6, 7 ou 8 do QNQ;
  2. estejam inscritos/as em Centro Qualifica, no caso de terem uma qualificação de nível 2 do QNQ;
c) Desempregados/as há mais de 12 meses, com idade superior a 45 anos, detentores/as de qualificação de nível 2 que estejam inscritos em Centro Qualifica, ou de nível 3, 4, 5, 6, 7 ou 8 do QNQ;
d) Pessoas com deficiência e incapacidade;
e) Pessoas que integrem família monoparental;
f) Pessoas cujos cônjuges ou pessoas com quem vivam em união de facto se encontrem igualmente inscritos como desempregados no IEFP;
g) Vítimas de violência doméstica;
h) Refugiados;
i) Ex-reclusos/as e aqueles que cumpram ou tenham cumprido penas ou medidas judiciais não privativas de liberdade, em condições de se inserirem na vida ativa;
j) Toxicodependentes em processo de recuperação.
Os estágios profissionais do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) têm uma duração de nove meses e destinam-se sobretudo à inserção de jovens no mercado de trabalho ou à reconversão profissional de desempregados.
A candidatura à medida é efetuada pela entidade, no portal NetEmprego, na área pessoal de cada entidade, devendo ser efetuado o registo prévio, caso ainda não esteja registada.
Durante este período de candidatura será também possível formalizar o pedido de Prémio ao Emprego, apoiando a celebração de contratos de trabalho sem termo, com ex-estagiários.

Documentos para consulta:
 aviso de abertura 
regulamento

.

Informações e esclarecimentos podem ser obtidos através do Centro de Contacto, disponível todos os dias úteis das 8h00 às 20h00. Tel: 300 010 001.

Para mais informações, clique aqui.
Read More

Medida Contrato-Emprego: Segundo período de candidaturas

4 Maio, 2017
/ / /
Comments Closed

Medida Contrato-Emprego

Novo: Prorrogação do Período de candidatura.
Foi alargado o período de candidatura à medida Contrato-Emprego até 16 de junho de 2017.
A medida pretende apoiar as empresas na contratação de desempregados/as, contando com uma dotação orçamental de 20 milhões de euros.


O Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) tem em aberto o segundo período de candidaturas à medida Contrato-Emprego.
As empresas que queiram beneficiar de apoios à contratação de desempregados inscritos nos centros de emprego têm até 31 de maio para se candidatarem a uma tranche dos 20 milhões de euros disponíveis. 
A candidatura à medida é efetuada no NetEmprego, através de sinalização de oferta de emprego registada nesse portal (na área pessoal de cada entidade, devendo ser efetuado o registo prévio, caso ainda não esteja registada).
As empresas poderão apresentar candidaturas para as ofertas de emprego apresentadas ao IEFP, no período compreendido entre 4 de março e 24 de maio de 2017, desde que cumpram os requisitos de elegibilidade.
No segundo período de candidatura será também possível formalizar o pedido de Prémio de Conversão de contrato.
Valor dos Apoios
O apoio, tem por base o Indexante de Apoios Sociais (IAS),  no caso de a empresa celebrar um contrato a termo de 12 meses é de 1.263,96 euro (3 IAS) , podendo ir até 3.791,88 euros (9 IAS) se o contrato for sem termo.
O incentivo pode ser majorado em casos concretos. Empresas que convertam contratos a termo em permanentes também podem ter direito a um apoio.
O IEFP disponibiliza na sua página informação sobre o tipo de apoios disponíveis e tem ainda uma linha telefónica, 300 010 001, para prestar informações.
A medida Contrato-Emprego veio substituir o Estímulo-Emprego e, este segundo período de candidaturas, tem dotação orçamental de 20 milhões de euros.
Empresas podem candidatar-se à medida Contrato-Emprego até 16 de junho de 2017.

Documentos para consulta:
aviso de abertura
regulamento
guia de apoio

Para mais informações, clique aqui.
Artigo ACEGIS – Nova medida ativa de emprego: Contrato-Emprego
Read More
  • Jogo Educativo – Cidadania 4Kids!

  • UMA FORMA DIVERTIDA DE APRENDER CIDADANIA!

    São jogos, quebra-cabeças, puzzles, sudokus e muito mais!

    100% Português. 100% Solidário.

    Ao COMPRAR está a APOIAR a Associação ACEGIS!

  • ECONOMIA SOCIAL EM DESTAQUE | ATUALIDADEInformação e atualidade no âmbito da Economia Social e Solidária

    III Edição do Concurso de Apoio à Formação Internacional de Quadros de ONGD

    12 Dezembro, 2017
    Saiba mais O processo de candidaturas decorrerá até dia 16 de fevereiro e as formações deverão decorrer até novembro de 2018. A Fundação Calouste Gulbenkian e a Plataforma Portuguesa das ONGD lançam pelo terceiro ano consecutivo o Concurso de apoio à formação internacional de quadros de ONGD.A formação destina-se a Diretores/as, Gestores/as e Coordenadores/as de […]

    Apresentação do livro “Violências de género” |12 dez., Lisboa

    11 Dezembro, 2017
    1 Apresentação do livro "Violências de Género", a primeira publicação de uma nova coleção dedicada aos Estudos de Género do CIEG - ISCSP-ULisboa. Apresentação do livro “Violências de género” do CIEG A sessão de apresentação realiza-se no dia 12 de dezembro de 2017, na Sala Monsanto do Instituto, pelas 18 horas. Mais informações aqui No […]
28 visitantes ligados agora
7 visitantes, 21 bots, 0 membros