Economia Social – Últimas Notícias

  • Associação para a Cidadania, Empreendedorismo, Género e Inovação Social

    A ACEGIS reconhece-se enquanto entidade de referência nas áreas estratégicas da cidadania, inclusão, igualdade de género, empreendedorismo e inovação social. Intervimos ativamente pela construção de uma sociedade mais justa, paritária e inclusiva!

  • Dia Internacional da Juventude: celebrando os jovens construindo paz Atualmente, existem cerca de 1.8 mil milhões de jovens entre os 10 e os 24 anos de idade, cerca de um quarto da população mundial. A maior geração de jovens de sempre na história da humanidade, está nas nossas mãos ajudá-la a tornar-se a geração que […]

Dia Internacional da Juventude: celebrando os jovens construindo paz

11 Agosto, 2017
/ / /

Dia Internacional da Juventude: celebrando os jovens construindo paz

Atualmente, existem cerca de 1.8 mil milhões de jovens entre os 10 e os 24 anos de idade, cerca de um quarto da população mundial.
A maior geração de jovens de sempre na história da humanidade, está nas nossas mãos ajudá-la a tornar-se a geração que mudou o mundo!


Criado por resolução da Organização das Nações Unidas (ONU), em 1999, todos os anos, a 12 de agosto, celebra-se o Dia Internacional da Juventude.
Dia Internacional da Juventude 2017 «Jovens construindo a paz» | International Youth Day 2017 “Youth Building Peace”
12 de agosto |12 August

ONU define como jovens os cidadãos na faixa etária entre os 15 e os 24 anos, estes representam cerca de um quarto da população mundial, 1.8 mil milhões de jovens. A maior geração de jovens na história da humanidade.
Mais de 600 milhões de jovens vivem em ambientes frágeis e afetados por conflitos armados. Muitos outros são forçados a fugir, a separar-se das suas famílias, tornando-se refugiados ou deslocados.
No entanto, há um crescente reconhecimento do papel dos jovens na agenda para a paz e segurança, de forma a prevenir e combater o extremismo violento, especialmente nas zonas de conflito e mais afetas pela violência.
Conscientes desta situação, em 2017 a Organização das Nações Unidas (ONU) escolheu o tema “Jovens construindo a paz”  (“Youth Building Peace”) para assinalar o Dia Internacional da Juventude.
Desta forma, a ONU sublinha a importância dos jovens na consolidação da paz e da segurança, incentivando a sua participação ativa na manutenção da paz e da segurança internacional. 
Acresce que a Agenda 2030 coloca a paz, justiça e a eficácia das instituições (Objetivo 16) na nova agenda de desenvolvimento sustentável das Nações Unidas.
Um reconhecimento do papel positivo e construtivo dos jovens na manutenção da paz e na preservação da segurança internacional, como fator decisivo na construção de sociedade justas, pacíficas e inclusivas.

Estima-se que mais de 600 milhões de jovens vivem em ambientes frágeis e afetados por conflitos armados. Excluir um número tão elevado de jovens dos problemas que os afetam diretamente, compromete o desenvolvimento das gerações futuras: 600 milhões são demais.
Não há desenvolvimento sustentável sem paz e segurança. Todos e todas nós temos pelo menos uma obrigação: dar aos jovens a oportunidade de fazer parte da decisão na forma como o mundo procura acabar com a violência e os conflitos, e de construir sociedades pacíficas e inclusivas.
Fazendo dos valores da cidadania, da igualdade, da liberdade, dos direitos humanos, da tolerância e da paz, a solução para alcançar o desenvolvimento sustentável.
Esta é a maior geração de jovens da história da humanidade, está nas nossas mãos ajudá-la a tornar-se a geração que mudou o mundo!
Susana Pereira, ACEGIS

A Associação ACEGIS é Represente Nacional da  IPYG – Grupo Internacional de Jovens pela Paz – ONG Internacional presente em cerca de 79 países de todo o mundo, mobilizando milhares de jovens em todo o mundo na construção e luta pela paz, através da promoção de diálogos, conferências, projetos e educação para a paz.

 

Read More

Pós-Graduação em Empreendedorismo e Inovação

10 Agosto, 2017
/ / /

1.ª Edição da Pós-Graduação em Empreendedorismo e Inovação no ISCSP – Universidade de Lisboa

Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas – ISCSP 
As candidaturas à Pós-Graduação do ISCSP para o ano letivo de 2017-2018 encontram-se abertas até ao dia 30 de setembro de 2017.


1.ª Edição da Pós-Graduação em Empreendedorismo e Inovação no ISCSP – Universidade de Lisboa.
As candidaturas encontram-se abertas até ao dia 30 de setembro de 2017.
.
Num ambiente cada vez mais competitivo, o empreendedorismo e a inovação assumem-se hoje como estratégias fundamentais para as empresas e instituições, quer na promoção da diferenciação e da melhoria contínua, quer na gestão das pessoas (ao proporcionar desafios crescentes).
Esta Pós-Graduação tem como objetivo tornar os/as formandos/as agentes ativos/as na proposta, estruturação e gestão de projetos empreendedores e inovadores de forma autónoma (i.e. criando de novos negócios) ou dentro de organizações que já existam (i.e. a novos projetos/programas, melhoria de produtos/serviços, novas sucursais ou unidades de negócio).
A Pós-Graduação em Empreendedorismo e Inovação destina-se a:
Dirigentes e Quadros que procuram estruturar e desenvolver projetos inovadores na sua organização; Empresários/as que pretendam melhorar o negócio; Empreendedores/as com ideias de negócio; Agentes ligados ao empreendedorismo.
O curso é leccionado em regime presencial e tem a duração de um ano lectivo (entre Outubro de 2017 e Junho de 2018). As aulas serão lecionadas dois dias por semana, às segundas e terças-feiras, em horário pós-laboral (das 18h00 às 21h00).
O curso funcionará com um mínimo de 12 e um máximo de 30 inscrições.

1.ª Edição da Pós-Graduação em Empreendedorismo e Inovação no ISCSP – Universidade de Lisboa.
Formalização de candidaturas:
Para proceder à formalização da candidatura será necessário o envio dos seguintes documentos e o pagamento da taxa de candidatura (100 euros). Caso a candidatura seja realizada online, durante o processo receberá as referências multibanco para o pagamento. Caso os documentos sejam submetidos por e-mail, as referências multibanco serão remetidas via e-mail.
Documentação necessária
a) Ficha de Candidatura para Cursos de Pós-Graduação; 
b) Certificado de Habilitações;
c) Curriculum Vitae.
Período de candidaturas: Até 30 de setembro de 2017. O ISCSP reserva-se o direito de encerrar antecipadamente as candidaturas em cada curso em caso de preenchimento do numerus clausus.
As candidaturas poderão ser efetuadas de três formas:
 Via e-mail, através do envio da documentação necessária à candidatura para o endereço iepg@iscsp.ulisboa.pt.
• Presencialmente, junto do Gabinete de Apoio ao IEPG, através da entrega da documentação necessária à candidatura.
• Candidatura online: Para proceder à candidatura online clique aqui.

Documentos para Download:
Este curso conta com a colaboração do Lisbon Business Angels Club; da Territórios Criativos, da Link to Leaders e da Uneeq.
Para mais informações, clique aqui.

Read More

Alteração ao Aviso PO ISE | Instrumentos específicos de proteção das vítimas de violência doméstica

9 Agosto, 2017
/ / /

Alteração ao Aviso PO ISE | Instrumentos específicos de proteção das vítimas de violência doméstica

Retificação do ponto 8. Beneficiários/AS
Com vista a clarificar as entidades que pretendem apresentar candidatura ao AVISO Nº POISE-37-2017-09 – “Instrumentos específicos de proteção das vítimas e de acompanhamento de agressores na violência doméstica”, a Autoridade de Gestão do PO ISE informa que procedeu à retificação do ponto 8. Beneficiários/AS do referido AVISO.
As candidaturas encontram-se a decorrer até 31 de agosto de 2017.


Alteração ao Aviso n.º POISE-37-2017-09: Alteração no ponto 8. Beneficiários/as
Informam-se as entidades interessadas que o aviso para apresentação de candidaturas a Ações de sensibilização para o público em geral e ou para públicos específicos e produção e divulgação de material formativo, informativo e pedagógico, a decorrer até dia 31 de agosto, foi alterado no ponto 8. Beneficiários/AS que passa a ter a seguinte redação:

“8. Beneficiários

Podem aceder aos apoios concedidos no âmbito do presente concurso, nos termos da alínea c) do artigo 167.º da Portaria n.º 97-A/2015, de 30 de março, na sua atual redação, as entidades públicas ou privadas que pretendam desenvolver ações de sensibilização para o público em geral ou para públicos específicos, e/ou produzir e divulgar material formativo, informativo e pedagógico, de acordo com o seu âmbito de intervenção, desde que não apresentem, nessa mesma região, candidaturas no âmbito das Ações 3.17.1 – Estruturas de atendimento, acompanhamento e apoio especializado a vítimas de violência doméstica e violência de género e sensibilização e produção de materiais nestas áreas e/ou 3.17.3 – Combate ao tráfico de seres humanos e sensibilização e produção de materiais nesta área.”


Consulte o AVISO publicado no website do PO ISE em Avisos Abertos ou no Balcão 2020 Domínio Temático – INCLUSÃO SOCIAL E EMPREGO.
Para mais informações, clique aqui.
Read More

4.ª Sessão temática “Economia Social: das pessoas, com as pessoas”

4 Agosto, 2017
/ / /

4.ª Sessão temática “Economia Social: das pessoas, com as pessoas” – 8 de setembro 2017, Évora

Irá realizar-se, no próximo dia 8 de setembro, a 4.ª sessão temática do Congresso Nacional da Economia Social 2017, subordinada ao tema “Economia Social: das pessoas, com as pessoas”.
Inscrições gratuitas até 6 de setembro de 2017.


Sessão Temática – “Economia Social: das pessoas, com as pessoas”
Irá realizar-se, no próximo dia 8 de setembro, pelas 09h30, na Fundação Eugénio de Almeida, em Évora, a 4.ª sessão temática do Congresso Nacional da Economia Social 2017, subordinada ao tema “Economia Social: das pessoas, com as pessoas”.
A iniciativa decorrerá nos períodos da manhã e da tarde e contará com a presença de figuras relevantes para o setor da Economia Social, que irão abordar e debater o tema em foco, no formato de conferências e mesas redondas.
ConsulteConvite (PNG) e o Programa (PDF) do evento.
Inscreva-se aqui até dia 6 de setembro.

Para mais informações, clique aqui.
Read More

PO ISE lança Convites para apresentação de candidaturas

4 Agosto, 2017
/ / /

PO ISE lança Convites para apresentação de candidaturas

Encontra-se a decorrer o período para apresentação de candidaturas a três concursos no âmbito do PO ISE – Programa Operacional Inclusão Social e Emprego.
Candidaturas de 01 de agosto a 28 de setembro de 2017.


A Autoridade de Gestão do PO ISE – Programa Operacional Inclusão Social e Emprego, informa que a partir do dia 1 de agosto e até às 18h00 do próximo dia 28 de setembro de 2017 encontra-se a decorrer o período para apresentação de candidaturas a três concursos.
Estes AVISOS de Concurso referem-se às Tipologias de Operações (TO): Inov Contacto, Vida Ativa para Desempregados e Vida Ativa para DLD (Desempregados Longa Duração).
Consulte aqui:
     AVISO n.º POISE-20-2017-13 – Inov Contacto (TO 2.07)
     AVISO n.º POISE-24-2017-14 – Vida Ativa para Desempregados (TO 1.09)
     AVISO n.º POISE-31-2017-15 – Vida Ativa para DLD (TO 3.04)
Os referidos AVISOS configuram um convite para apresentação de candidaturas, tendo sido elaborados nos termos previstos no n.º 6 do artigo 16.º do Decreto-Lei n.º 159/2014, de 27 de outubro, alterado pelo Decreto-Lei n.º 215/2015, de 6 de outubro, que estabelece as regras gerais de aplicação dos Programas Operacionais e dos Programas de Desenvolvimento Rural financiados pelos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento (FEEI), para o período de programação 2014-2020.

Consulte os AVISOS publicados no no site PO ISE em Avisos Abertos ou no Balcão 2020 (Domínio Temático – INCLUSÃO SOCIAL E EMPREGO).
Para mais informações, clique aqui. 
Read More

Candidaturas abertas ao Prémio Solidário 25 anos SIC

2 Agosto, 2017
/ / /

Candidaturas abertas ao Prémio Solidário 25 anos SIC

A SIC Esperança lança o Prémio Solidário 25 anos SIC, que pretende apoiar um projeto inovador que tenha como objetivo a melhoria da qualidade de vida.
Candidaturas até 01 de setembro de 2017.


No âmbito das comemoração dos 25 anos da SIC, a SIC Esperança, enquanto braço da responsabilidade do grupo Impresa, lança o Prémio Solidário 25 anos SIC.
Destinado a todas as Instituições de Solidariedade Social do país, o prémio pretende contemplar um projeto inovador que tenha como objetivo a melhoria da qualidade de vida, em particular de pessoas socialmente desfavorecidas.
O prémio tem o valor de 25.000,00 € e as candidaturas estão abertas até ao dia 1 de setembro. O/a vencedor/a será anunciado no dia do aniversário da SIC, a 6 de outubro.
Candidaturas
Os processos das candidaturas ao Prémio Solidário 25 anos SIC devem conter:
a) Ficha de inscrição devidamente preenchida, que deverá ser obtida através do site www.sicesperanca.pt;
b) A candidatura e os anexos solicitados deverão ser enviados para o correio eletrónico sicesperanca@sic.pt ou por correio para a seguinte morada: Prémio Solidário 25 anos SIC, SIC Esperança, Estrada da Outurela, 119, 2794- 052 Carnaxide
Candidaturas até 1 de setembro de 2017.

Consulte aqui o Regulamento e aqui a Ficha de candidatura.
Para mais informações, clique aqui.
Read More

Abertura de Candidaturas para 12 Bolsas de Estudo para Refugiados em Portugal

2 Agosto, 2017
/ / /

Abertura de Candidaturas para 12 Bolsas de Estudo para Refugiados em Portugal

Submissão de candidaturas de 1 a 10 de agosto de 2017.

 


No seguimento da assinatura do Protocolo de Cooperação entre o ACM e a Associação Plataforma Global para Estudantes Sírios (APGES), encontra-se aberto, até ao dia 10 de agosto, o concurso para admissão de candidatos para o ano letivo 2017-2018.
Com o objectivo de apoiar a formação académica de jovens detentores/as do estatuto de refugiado, que gozem do direito de protecção internacional ou que tenham sido acolhidos em Portugal ao abrigo de programas de recolocação, reinstalação ou por razões humanitárias, são concedidas 12 bolsas de estudo para o ano lectivo 2017-2018 ao abrigo de um Protocolo de Cooperação entre o Alto Comissariado para as Migrações (ACM) e a Plataforma Global para os Estudantes Sírios (APGES).
Serão apenas consideradas candidaturas para realização de estudos superiores em cursos de licenciatura, cursos de mestrado integrado, pós-graduações ou, ainda a título excepcional, para programas de doutoramento em instituições de ensino superior portuguesas legalmente reconhecidas e para ciclos de estudos devidamente acreditados e registados.


Destinatários/as e Elegibilidade
Podem candidatar-se cidadãos e cidadãs de estados terceiros, detentores do estatuto de refugiado, que gozem do direito de protecção internacional ou que tenham sido acolhidos/as em Portugal ao abrigo de programas de recolocação, reinstalação ou por razões humanitárias.
Para concorrer é necessário:
 Ter idade inferior a 35 anos; Ter concluído o ensino secundário que permita o acesso ao ensino superior ou já ter estado matriculado/a no ensino superior e ter concluído com êxito, pelo menos algumas disciplinas do 1º ano até à data de submissão da candidatura;
Possuir domínio da língua portuguesa e conhecimentos da língua inglesa.
Relativamente às bolsas de doutoramento, possuir o grau académico de mestre ou, em alternativa:
 ter o grau de licenciatura e ser detentor/a de um currículo escolar ou científico especialmente relevante que seja reconhecido, pelo órgão científico legal e estatutariamente competente da universidade onde pretendem ser admitidos, como atestando capacidade para a realização de ciclo de estudos conducente ao grau de doutor;
ser detentor/a de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização de ciclo de estudos conducente ao grau de doutor pelo órgão científico legal e estatutariamente competente da universidade onde pretendem ser admitidos/as.
Financiamento e Valor da Bolsa
A bolsa a atribuir corresponde ao valor do pacote de serviços que serão prestados ao bolseiros/as, devendo este incluir: a inscrição do estudante num estabelecimento de ensino superior, um quantitativo mensal calculado em função de outros apoios sociais de que o bolseiro/a beneficie, os quais, em conjunto, deverão corresponder a 300 euros líquidos mensais.
A bolsa poderá incluir ainda um complemento para aquisição de material bibliográfico e escolar, bem como um complemento de transporte, de acordo com uma tabela anual estabelecida pela APGES.
Caso o/a estudante não disponha ou não tenha direito a alojamento providenciado pela organização ou instituição de acolhimento, dever-lhe-á igualmente ser facultado um quarto numa residência universitária de acordo com as disponibilidades e tipologias usuais.
As bolsas atribuídas neste concurso serão financiadas ao abrigo de um Protocolo de Cooperação, concluído entre o ACM e a Plataforma Global dos Estudantes Sírios.
Formalização de Candidaturas
As candidaturas devem ser submetidas eletronicamente, utilizando o formulário em língua inglesa disponível on-line, a partir do dia 1 de Agosto de 2017, no portal da Plataforma Global de Apoio a Estudantes Sírios (www.globalplatformforsyrianstudents.org).
Cada candidato/a poderá apresentar apenas uma única candidatura.
Candidaturas de 1 a 10 de agosto de 2017.

Documentos para Download:
AVISO DO CONCURSO – em português
REGULAMENTO – só em português
FORMULÁRIO DE CANDIDATURA (FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO) – só em inglês

 Informações e Contactos:
APGES – Casa do Regalo – Tapada das Necessidades – 1350-213 LISBOA Tel: 213931440; Fax: 213965079 Email: secretariado@casadoregalo.pt ou helenabarroco@casadoregalo.pt
Para mais informações, clique aqui.

 

Read More

E-GENDER – Formação para a Igualdade de Género

1 Agosto, 2017
/ / /

E-GENDER – Formação para a Igualdade de Género

Criado no Observatório da Sexualidade do ISMAI, o E-Gender pretende promover a igualdade de género e o combate à violência de género, através de Ações de Formação dirigidas a públicos estratégicos, profissionais das áreas das ciências da comunicação, humanas e sociais.


Com o projeto E-Gender pretende-se promover a igualdade de género e o combate à violência de género, através de Ações de Formação dirigidas a públicos estratégicos, profissionais das áreas da educação, ciências da comunicação, humanas e sociais.
O E-Gender foi aprovado no âmbito do aviso POISE (Medida 36-2015-20 referente à Tipologia de Operações 3.15 – Formação de Públicos Estratégicos), que tem como organismo intermédio a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género (CIG).
Destinatários/as:
Públicos Estratégicos (empregados/as ou desempregados/as): profissionais de diversas áreas cuja atividade possa ter impacto na promoção da igualdade de género, na prevenção e combate às discriminações em razão do sexo, da orientação sexual e da identidade de género, na prevenção e combate à violência doméstica e, em geral, à violência de género, incluindo o apoio e acompanhamento especializado a vítimas e agressores/as.
Ações de Formação Financiadas:

Formação de públicos estratégicos para a obtenção da Especialização em Igualdade de Género, 58h (40h+18h específicas sobre sexualidade).Coordenadora da ação: Profª Doutora Marisalva Fávero

Formação de públicos estratégicos para a obtenção da Especialização em Igualdade de Género, 58h (Profissionais da área da Ciências da Comunicação). Coordenadora da ação: Profª Doutora Carla Cerqueira

Formação de Formadores/as para obtenção de especialização em Igualdade de Género, 72h, b-learning. Coordenadora da ação: Profª Doutora Anita Santos

Formação de profissionais na área da Violência Doméstica, 30h. Coordenadora da ação: Profª Doutora Marisalva Fávero

Formação de profissionais na área da Violência Doméstica – Intervenção com Vítimas Particularmente Vulneráveis (Pessoas com deficiência), 48h. Coordenadora da ação: Profª Doutora Olga Cruz

Formação de profissionais na área da Violência Doméstica– Intervenção com Vítimas Particularmente Vulneráveis (Imigrantes), 48h. 
Coordenadora da ação: Profª Doutora Estefânia Silva

Avaliação e gestão do risco na área da Violência Doméstica, 30h. Coordenadora da ação: Profª Doutora Helena Grangeia


Para realizar a sua candidatura à ação deverá preencher a ficha de pré-inscrição onlinedisponibilizada aqui 
ContactosPara quaisquer informações e esclarecimentos p.f. contacte os nossos serviços de formação através do tel.: 229866026 ou pessoalmente nos Serviços de Formação: CFLV – Centro de Formação ao Longo da Vida sito no ISMAI:
ISMAI – Instituto Universitário da Maia 
Av. Carlos Oliveira Campos – Castelo da Maia 
4475-690 Maia ​​​​
Para mais informações, clique aqui.
Read More

Passaporte Qualifica | Mais Qualificação, Melhor Emprego

20 Julho, 2017
/ / /

Passaporte Qualifica |Mais Qualificação, Melhor Emprego

Passaporte Qualifica encontra-se disponível para as entidades de educação e formação, enquanto ferramenta de apoio à dinamização e gestão das suas ofertas, nomeadamente na adequação das mesmas às necessidades dos seus públicos-alvo e territórios de intervenção.

 


Passaporte Qualifica
O Passaporte Qualifica é um instrumento (digital) de orientação e registo individual de qualificações e competências, que permite, não só, registar as qualificações obtidas pelo adulto ao longo da sua vida, mas também simular percursos de qualificação possíveis e organizar o percurso de qualificação efetuado ou a efetuar, em função das qualificações que o indivíduo pode obter e da progressão escolar e profissional que pode alcançar, identificando as competências em falta, por forma a possibilitar a construção de trajetórias de formação mais adequadas às necessidades de cada indivíduo, de entre as diferentes trajetórias possíveis.
O Passaporte Qualifica destina-se:
– a adultos com idade igual ou superior a 18 anos que procurem melhorar as suas qualificações, tendo em vista, nomeadamente, a conclusão do ensino secundário e/ou a obtenção de uma qualificação profissional;
– a jovens, entre os 15 e os 29 anos, que não estejam empregados, nem a estudar ou a frequentar formação (Jovens NEET).
O Passaporte Qualifica é um instrumento (digital) de orientação e registo individual de qualificações e competências, que:
– Regista as qualificações e competências adquiridas ou desenvolvidas ao longo da vida (esta informação poderá ser consultada detalhadamente no Registo Individual de Competências – RIC);
– Simula e apresenta diversos percursos de qualificação possíveis para a obtenção de novas qualificações e/ou progressão escolar e profissional, a partir da capitalização dos resultados de aprendizagem que o adulto já alcançou e das competências que adquiriu até ao momento;
– Sugere diferentes trajetórias de formação (escolar, profissional ou de dupla certificação) ou de reconhecimento, validação e certificação de competências (processo de RVCC) que o adulto poderá escolher para a conclusão da meta de qualificação que selecionou;
– Identifica as unidades de formação concluídas e respetivos pontos de crédito que capitaliza de formações anteriores, para a qualificação pretendida;
– Lista as unidades de formação e respetivos pontos de crédito em falta para a obtenção do percurso selecionado;
– Informa quais as Entidades de Educação e Formação onde o adulto poderá encontrar a oferta de formação que selecionou ou os Centros Qualifica onde poderá realizar um processo de RVCC, tendo como referência o seu local de residência (ou outra à sua escolha) e a data da sua pesquisa.

O Passaporte Qualifica encontra-se disponível para as entidades de educação e formação, enquanto ferramenta de apoio à dinamização e gestão das suas ofertas, nomeadamente na adequação das mesmas às necessidades dos seus públicos-alvo e territórios de intervenção.
Este instrumento torna-se assim de suma importância para as entidades de educação e formação, uma vez que permite a divulgação e promoção das suas ofertas educativas e formativas e, desse modo, um potencial aumento do número de formandos/as.
Nesse sentido, reforçamos a necessidade do registo atualizado de todas as formações a realizar, com vista a uma mais ampla divulgação e um maior ajustamento entre a oferta e a procura.

.

Programa Qualifica.
Mais Qualificação, Melhor Emprego

Passaporte Qualifica poderá ser acedido a partir do Portal Qualifica www.qualifica.gov.pt ou diretamente no sítio da Internet especificamente criado para o efeito:www.passaportequalifica.gov.pt
Para mais informações, clique aqui.
Read More

Candidaturas “Qualificação de Pessoas com Deficiência e ou incapacidade”

18 Julho, 2017
/ / /
Comments Closed

Candidaturas “Qualificação de Pessoas com Deficiência e ou incapacidade”

Programa Operacional Inclusão Social e Emprego – POI SE
 O período para apresentação de candidaturas entre o dia 13 de julho de 2017 e as 18:00 horas do dia 14 de agosto de 2017.


A Autoridade de Gestão do PO ISE – Programa Operacional Inclusão Social e Emprego, informa que foi lançado um novo concurso no âmbito no âmbito da ‘Qualificação de Pessoas com Deficiência e ou incapacidade’.
Assim, o AVISO N.º POISE-29-2017-11 ‘Qualificação de Pessoas com Deficiência e ou incapacidade’ (TO 3.01), tem a decorrer o período para apresentação de candidaturas entre o dia 13 de julho de 2017 e as 18:00 horas do dia 14 de agosto de 2017.
Esta Tipologia de Operações visa os seguintes objetivos nos termos do artigo 152º do Regulamento Específico:
1. Promover ações que possibilitem a aquisição e o desenvolvimento de competência profissionais, tendo em vista potenciar a empregabilidade das pessoas com deficiência e incapacidade, orientadas para o exercício de uma atividade no mercado de trabalho.
2. Dotar as pessoas com deficiência e incapacidade dos conhecimentos e competências necessárias à obtenção de uma qualificação, que lhes permita exercer uma atividade profissional no mercado de trabalho, manter o emprego e progredir profissionalmente de forma sustentada.
O período para apresentação de candidaturas entre o dia 13 de julho de 2017 e as 18:00 horas do dia 14 de agosto de 2017.

Documentos para download:
AVISO N.º POISE-29-2017-11
Guia de Registo de Participante
Anexo I – Formulário de Participante
Simulador de Correção Financeira
.
Para mais informações, clique aqui.
Read More

Lançamento da Saudementalpt, a primeira plataforma de saúde mental e neurológica

14 Julho, 2017
/ / /
Comments Closed

Lançamento da Saudementalpt, a primeira plataforma de saúde mental e neurológica No próximo dia 22 de julho, dia Mundial do Cérebro, vai ser lançada a Plataforma Saudementalpt – a primeira plataforma online que agrega informação e respostas na área da saúde mental e neurológica nacional. Saudementalpt – Plataforma de saúde mental e neurológica nacional.   Lançamento da […]

Read More

Prémio Direitos Humanos 2017 | Assembleia da República

13 Julho, 2017
/ / /
Comments Closed

Prémio Direitos Humanos 2017 | Assembleia da República

Prémio no valor pecuniário de 25 mil euros, que visa reconhecer e distinguir o alto mérito da atividade de organizações não governamentais na divulgação ou promoção do respeito pelos direitos humanos.
Candidaturas abertas até 31 de julho de 2017.

A Associação ACEGIS divulga o Prémio Direitos Humanos da Assembleia da República, edição de 2017.
Prémio no valor pecuniário de 25 mil euros, que visa reconhecer e distinguir o alto mérito da atividade de organizações não governamentais na divulgação ou promoção do respeito pelos direitos humanos.
 O Prémio Direitos Humanos destina-se a reconhecer e distinguir o alto mérito da atividade de organizações não governamentais ou original de trabalho literário, histórico, científico, jornalístico, televisivo ou radiofónico, divulgados em Portugal entre 1 de julho do ano anterior e 30 de junho do ano da atribuição, que contribuam para a divulgação ou o respeito dos direitos humanos, ou ainda para a denúncia da sua violação, no País ou no exterior, da autoria individual ou coletiva de cidadãos portugueses ou estrangeiro.
O Prémio destina-se a galardoar:
– O alto mérito da atividade de ornizações não governamentais; ou
– O trabalho, individual ou coletivo, de cidadãos portugueses ou estrangeiros, designadamente literário, científico, histórico ou jurídico, jornalístico ou audiovisual, qualquer que seja o respetivo suporte, divulgado em Portugal no período a que respeita;
– Que contribua designadamente para:
a) a divulgação ou o respeito dos direitos humanos;
b) a denúncia da sua violação no País ou no exterior.
O Prémio é atribuído a cidadãos (e cidadãs)  portugueses (as)  ou estrangeiros(as)  ou a organizações não-governamentais, sobre os trabalhos e atividades a que se refere o artigo 2.º, independentemente de apresentação de candidatura.
O Prémio é atribuído anualmente pelo Presidente da Assembleia da República, no dia 10 de dezembro, Dia Nacional dos Direitos Humanos, ouvida a Conferência de Líderes, mediante proposta do júri constituído no âmbito da Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias.
Os trabalhos ou relatos de atividades que sejam objeto de candidatura são apresentados individual ou coletivamente, podendo cada candidatura apresentar mais do que um trabalho, até ao limite de três.
Os mesmos trabalhos ou relatos de atividades devem ser remetidos, em três exemplares, por correio registado, dirigidos ao:
Presidente da Assembleia da República
Prémio Direitos Humanos
Assembleia da República
Palácio de São Bento  1249-068 Lisboa
São admitidos os trabalhos ou relatos de atividades que derem entrada na Assembleia da República até ao dia 31 de julho de cada ano, contando para este efeito a data do respetivo registo postal.
Não são consideradas as candidaturas apresentadas fora do prazo, nem as que não se enquadrem no disposto no artigo 2.º. do regulamento do Prémio.
Findo o período previsto no n.º 3, a lista das candidaturas é divulgada na página da Assembleia da República na Internet, no separador relativo ao Prémio Direitos Humanos.
O Prémio é entregue na Assembleia da República, em cerimónia oficial, no Dia Nacional dos Direitos Humanos.

Candidaturas até ao próximo dia 31 de julho de 2017.​
Regulamento do prémio 
Em 2016, o Prémio Direitos Humanos foi atribuído a António Guterres.
Para mais informações, clique aqui.
Read More
  • Jogo Educativo – Cidadania 4Kids!

  • UMA FORMA DIVERTIDA DE APRENDER CIDADANIA!

    São jogos, quebra-cabeças, puzzles, sudokus e muito mais!

    100% Português. 100% Solidário.

    Ao COMPRAR está a APOIAR a Associação ACEGIS!

  • ECONOMIA SOCIAL EM DESTAQUE | ATUALIDADEInformação e atualidade no âmbito da Economia Social e Solidária

    Dia Internacional da Juventude: celebrando os jovens construindo paz

    11 Agosto, 2017
    Dia Internacional da Juventude: celebrando os jovens construindo paz Atualmente, existem cerca de 1.8 mil milhões de jovens entre os 10 e os 24 anos de idade, cerca de um quarto da população mundial. A maior geração de jovens de sempre na história da humanidade, está nas nossas mãos ajudá-la a tornar-se a geração que […]

    Pós-Graduação em Empreendedorismo e Inovação

    10 Agosto, 2017
    1.ª Edição da Pós-Graduação em Empreendedorismo e Inovação no ISCSP – Universidade de Lisboa Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas – ISCSP  As candidaturas à Pós-Graduação do ISCSP para o ano letivo de 2017-2018 encontram-se abertas até ao dia 30 de setembro de 2017. 1.ª Edição da Pós-Graduação em Empreendedorismo e Inovação no ISCSP […]
27 visitantes ligados agora
0 visitantes, 27 bots, 0 membros