Pessoas cegas vão poder votar nas próximas eleições através de voto em braille

As pessoas cegas vão poder votar nas próximas eleições europeias de forma autónoma, segura e secreta através dos boletins em braille que vão estar disponíveis em todas as mesas de voto.

No próximo dia 26 de maio, realizam-se as eleições para o Parlamento Europeu. Este ano, e pela primeira vez, muitos eleitores/as com deficiência visual poderão votar de forma autónoma e secreta com recurso a uma matriz de voto em braille.

 

A Secretária de Estado da Administração Interna, Isabel Oneto, e a Secretária de Estado da Inclusão das Pessoas com Deficiência, Ana Sofia Antunes, promoveram uma demonstração para explicar como é que as pessoas com deficiência visual vão poder votar nas próximas eleições europeias de forma autónoma, segura e secreta através dos boletins em braille que vão estar disponíveis em todas as mesas de voto.

Ana Sofia Antunes referiu que quando uma pessoa cega se dirigir à sua mesa de voto, ser-lhe-á entregue uma matriz que já tem um boletim de voto no interior, e graças à qual a pessoa consegue identificar os partidos e assinalar a cruz num quadrado recortado, sendo que cada partido corresponde a um número.
 
Antes de votar é entregue uma folha explicativa onde é feita a correspondência entre o número da candidatura e o respetivo partido para que depois a pessoa identifique facilmente na matriz o número que quer assinalar.
 

«Uma vez feito o voto, a pessoa tira o boletim do interior da matriz e dobra-o em quatro. Tem uma linha guia colocada na parte branca para saber que é aquela parte que tem de ficar para fora no momento em que dobrar o voto em quatro», acrescentou a Secretária de Estado.

O presidente da Associação de Cegos e Amblíopes de Portugal (ACAPO), Tomé Coelho, afirmou que este é «um passo extremamente importante» para as pessoas cegas, mesmo que pareça algo simples para a maioria das pessoas.
 
«É algo que nunca aconteceu no nosso País, possibilitar pela primeira vez que as pessoas com deficiência visual possam votar autonomamente, possam ter a certeza de que votam no partido ou na coligação que desejam», acrescentou.
 
A demonstração do Governo incluiu também uma explicação de como funcionará o voto eletrónico, que é uma experiência piloto que vai estar disponível em 50 mesas de voto distribuídas pelos 14 concelhos do distrito de Évora, nas eleições europeias de 26 de maio.
 
«O voto eletrónico em Évora tem a vantagem de qualquer cidadão do distrito de Évora poder votar numa qualquer mesa em qualquer concelho», disse Isabel Oneto, acrescentando que é possível que o recurso seja alargado a todo o País no futuro.
 
O voto eletrónico também tem uma componente de acessibilidade, que será adequado para pessoas cegas e amblíopes, uma vez que a máquina funciona de forma tátil, através de um sistema de voz e com recurso a auriculares. Está ligada a uma impressora que, no final do processo, imprime o voto em papel para depois ser colocado na urna.

Associação ACEGIS

A Associação ACEGIS reconhece-se enquanto entidade de referência nas áreas estratégicas da cidadania, inclusão, igualdade de género, empreendedorismo e inovação social.

Recomendamos!

LEGO lança Blocos em Braille para crianças cegas

LEGO lança Blocos em Braille para crianças cegas e com deficiências visuais. O objetivo da marca de brinquedos é permitir que cegos e deficientes visuais tenham a oportunidade de aprender através dos famosos blocos da LEGO.

NORTE 2020 apoia Municípios em ações de Inclusão Social

O Programa Operacional NORTE 2020 lançou um novo concurso para apoiar com 5,9 milhões de Euros do Fundo Social Europeu Ações de Inclusão Social, que venham a ser promovidas por municípios nas áreas de regeneração urbana, bairros sociais ou zonas críticas com especial incidência de comunidades desfavorecidas. Candidaturas até 15 de julho.

Prestação Social para a Inclusão chegou a mais de 90 mil pessoas

Quase 91 mil pessoas receberam a Prestação Social para a Inclusão (PSI) em março, 90% das quais com direito ao montante máximo. O anúncio foi feito pela Secretária de Estado para a Inclusão das Pessoas com Deficiência, Ana Sofia Antunes.

Passaporte português vai ser o primeiro da UE com grafia braille

O Passaporte eletrónico português vai incluir uma vinheta em braille, uma medida inovadora na União Europeia que permitirá aos cidadãos com deficiência visual identificar nome, número e data de validade do documento.

Desemprego entre as pessoas com deficiência subiu 24% nos últimos seis anos

O desemprego entre as pessoas com deficiência aumentou 24% entre 2011 e 2017, ao contrário da tendência geral. Apenas 11% dos desempregados/as com deficiência estavam inscritos no centro de emprego.

Uma forma divertida de aprender Cidadania, Ambiente, Direitos Humanos e os Direitos da Criança.

O Cidadania 4Kids é o primeiro Jogo Educativo que ensina às crianças os valores da cidadania, da igualdade, dos direitos humanos e a educar por um ambiente mais sustentável e ecológico.

São jogos, quebra-cabeças, puzzles, sudokus e mais, muito mais!

 

Jogo Educativo - Cidadania 4 KIDS!

Ao COMPRAR está a APOIAR a Associação ACEGIS. 100% Português. 100% Solidário

%d bloggers like this: