Até 28 de fevereiro estão abertas as candidaturas para a 2ª Edição do Ponto Verde Open Innovation, da Sociedade Ponto Verde.

Uma iniciativa da Sociedade Ponto Verde que tem como objetivo a criação de valor, bem como capitalizar o potencial de Investigação e Desenvolvimento (I&D) e a criação e desenvolvimento de negócios na área da economia circular no Sistema Integrado de Gestão de Resíduos de Embalagens (SIGRE).

Candidaturas Ponto Verde Open Innovation

Está a decorrer até 28 de fevereiro o prazo para submissão de candidaturas à segunda edição do Ponto Verde Open Innovation.
Uma iniciativa da Sociedade Ponto Verde que tem como objetivo a criação de valor, bem como capitalizar o potencial de Investigação e Desenvolvimento (I&D) e a criação e desenvolvimento de negócios na área da economia circular no Sistema Integrado de Gestão de Resíduos de Embalagens (SIGRE).
As candidaturas da 2ª Edição do Ponto Verde Open Innovation encontram-se abertas até ao próximo dia 28 de fevereiro. 

Eixos Estratégicos:

EIXO I – Crescimento sustentável – Transição para uma economia de baixo carbono
Promover uma transição para a economia de baixo carbono através da utilização racional dos recursos incentivando a recolha seletiva, a separação de resíduos e a reciclagem permitindo deste modo utilizar de forma mais eficiente os nossos recursos, melhorar a eficiência energética e produtiva.
Este eixo de intervenção pretende melhorar o desempenho da indústria no que respeita à emissão de gases de efeito de estufa através da promoção do desenvolvimento de melhores práticas de produção e do uso eficiente de recursos no setor da reciclagem.
Tem como objetivo orientar para uma melhoria de processos no âmbito do funcionamento do circuito de gestão de resíduos de embalagens, nomeadamente para a prevenção ao nível dos processos produtivos e melhorias dos processos de ecodesign, da produção e de valorização de resíduos (reciclagem e outros tipos de valorização).
Eixo II – Promoção da economia circular
Promover uma economia assente nos princípios de circularidade, garantindo a produção e a valorização de resíduos de modo a desenvolver novas aplicações dos materiais reciclados com vista a fomentar a sua reincorporação nas cadeias de valor e na valorização dos materiais atualmente enviados para eliminação.
Ao impulsionar simbioses industriais e uma análise integrada do sistema industrial, tendo em conta o ecossistema em que se insere, pretender permite abordar a otimização dos processos quer economicamente quer ao nível nos recursos naturais consumidos.
Procurar redefinir os modelos de negócio expandindo a análise das fronteiras do nosso produto e/ou serviço, e desta forma criar sistemas mais amplos e interligados que permitam que as tomadas de decisão passem a incluir preocupações a montante e a jusante da nossa linha de intervenção direta.
Como exemplos orientadores de temáticas para a apresentação de projetos, não sendo naturalmente exaustivo nem limitativo, podem ser tratados os seguintes temas:
• Recolha porta-a-porta no HORECA;
• Recolha de embalagens de vidro no HORECA;
• Reciclagem de plásticos mistos;
• Transporte e reciclagem de EPS;
• Reciclagem de Filme Plástico, quer proveniente da recolha seletiva como da recolha indiferenciada.
Subscreva a nossa newsletter e receba no seu email toda as nossas notícias e artigos.

FIQUE A PAR DAS NOSSAS NOTÍCIAS! 

Newsletter ACEGIS

Junte-se a 13.987 outros subscritores

Associação ACEGIS - ONGD

Associação para a Cidadania, Empreendedorismo, Género e Inovação Social