Prémio Fidelidade Comunidade 2017

Conheça o Prémio Fidelidade Comunidade, uma iniciativa com uma dotação anual de 500 mil euros para apoiar financeiramente instituições sem fins lucrativos, que desenvolvam a sua atividade nas áreas da inclusão social e/ou prevenção na saúde.
Candidaturas até 10 de outubro de 2017.

500 MIL EUROS PARA ORGANIZAÇÕES DA ECONOMIA SOCIAL E SOLIDÁRIA

A Fidelidade lançou o Prémio Fidelidade Comunidade, no valor total de 500 mil euros, que pretende contribuir financeiramente para instituições que promovam a inclusão social e a prevenção na saúde.
O Prémio Fidelidade Comunidade tem como missão o fortalecimento do setor social através do apoio a instituições que desenvolvam a sua atividade nas áreas da inclusão social e prevenção na saúde, áreas que correspondem à essência dos impactos da atividade seguradora: a proteção das pessoas, do património e da atividade económica, no presente e no futuro. 
As instituições sociais poderão candidatar-se anualmente ao Prémio Fidelidade Comunidade para obter financiamento para os seus projetos ou apoio à sua capacitação, gestão e desenvolvimento, visando garantir a sua sustentabilidade a longo prazo. 
Podem candidatar-se ao Prémio Fidelidade Comunidade pessoas coletivas de direito privado sem fins lucrativos, desde que atuem dentro das categorias designadas no Prémio (com exceção das fundações-empresa).

CATEGORIAS
A edição de 2017 do Prémio Fidelidade Comunidade destina-se a instituições sociais que desenvolvam a sua atividade numa das seguintes áreas de intervenção:

 

INCLUSÃO SOCIAL
Empregabilidade de públicos vulneráveis | Deficiência ou incapacidade permanente

.

PREVENÇÃO NA SAÚDE
Promoção de estilos de vida saudável | Envelhecimento ativo

 


Enquadram-se no Prémio:
  • Associações; Cooperativas; Fundações (não empresariais)
  • Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS), Misericórdias, Mutualidades
  • Organizações não-governamentais (ONG e ONGD)

    .

Só serão aceites candidaturas de entidades que respeitem as seguintes condições cumulativas:
  • Desenvolvam a sua atividade em território nacional (Portugal Continental e Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira);
  • Estejam legalmente constituídas e devidamente registadas;
  • Tenham situação regularizada face à administração fiscal e à segurança social;
  • Tenham contabilidade organizada nos termos da legislação aplicável

As candidaturas estão abertas de 8 de setembro a 10 de outubro.

Descarregue aqui a versão integral do Regulamento
 REGULAMENTO
Para mais informações, clique aqui.

 

Fidelidade Comunidade – Para que a vida não pare