Já está disponível o novo Guia para o Financiamento da União Europeia

Já está disponível o novo Guia para o Financiamento da União Europeia que reúne os programas e oportunidades de financiamento relativo ao período 2014-2020.
O Guia tem como objetivo fornecer todas as informações sobre financiamentos da União Europeia (UE), ajudando os interessados nos primeiros passos para solicitar e obter apoio para o seu projeto.

​A Comissão Europeia disponibiliza um documento que reúne um conjunto de programas e oportunidades de financiamento, em todos os países da União Europeia, no âmbito do quadro de financiamento relativo ao período 2014-2020.

Já está disponível a nova publicação da Comissão Europeia sobre financiamento da União Europeia que apresenta um conjunto de programas e as oportunidades de financiamento que proporcionam, no âmbito do quadro financeiro plurianual para 2014-2020.
O presente guia aborda os potenciais beneficiários de financiamento da União Europeia (UE) e abrange:
• Como funciona o financiamento da UE
• Modalidades de gestão do financiamento da UE
• Tipos de financiamento
• Elegibilidade para financiamento
• Princípios e regras do financiamento da UE
.
O presente guia visa em especial seis grupos de candidatos potenciais: as pequenas e médias empresas (PME), as organizações não governamentais (ONG), os jovens, os investigadores, os agricultores e os organismos públicos. No entanto, também pode ser uma fonte de informação valiosa para outros requerentes.

 


O guia destina-se a familiarizar o/a leitor/a com o financiamento da UE, ajudando-o/a nos primeiros passos para solicitar e obter um financiamento.
A presente publicação apresenta estes programas e as oportunidades de financiamento que proporcionam, que são descritos sinteticamente no presente folheto. Podem ser obtidas informações mais pormenorizadas no sítio web da Comissão Europeia, na secção Financiamento, concursos
Consulte o Guia para o financiamento da UE e fique a conhecer os programas destinados a incentivar o emprego, o crescimento e o investimento em toda a UE.