Abertura do primeiro período de candidatura da medida Estágios Profissionais

Abertura do primeiro período de candidatura da medida Estágios Profissionais

Novo: Prorrogação do período de candidatura até 31 de julho de 2017

Decorre até 31 de julho de  2017 a primeira fase de de candidaturas à nova medida Estágios Profissionais.

 

Governo estima apoiar 4.000 estágios profissionais.


Decorre até 31 de julho de 2017 a primeira fase de de candidaturas à nova medida Estágios Profissionais.

Medida do Governo “Estágios Profissionais” tem duração de nove meses e destina-se sobretudo à inserção de jovens no mercado de trabalho ou à reconversão profissional de desempregados.

A primeira fase de candidaturas à medida Estágios Profissionais arranca esta terça-feira e decorre até 16 de junho, e tem uma dotação orçamental de 18,8 milhões de euros para apoiar 4.000 estágios profissionais.

 

Destinatários/as da medida:

Condição Geral:

Inscrição nos serviços de emprego do IEFP, na qualidade de:

  • Desempregados/as;
  • Trabalhador/a com contrato de trabalho suspenso, com fundamento no não pagamento pontual da retribuição.

 

Grupos

a) Jovens com idade entre os 18 e os 30 anos, inclusive, detentores/as de uma qualificação de nível 3, 4, 5, 6, 7, ou 8 do Quadro Nacional de Qualificações (QNQ);

b) Desempregados/as há mais de 12 meses, com idade superior a 30 e menor ou igual a 45 anos, desde que reúnam uma das seguintes condições:

  1. tenham obtido há menos de três anos uma qualificação de nível 3, 4, 5, 6, 7 ou 8 do QNQ;
  2. estejam inscritos/as em Centro Qualifica, no caso de terem uma qualificação de nível 2 do QNQ;

 

c) Desempregados/as há mais de 12 meses, com idade superior a 45 anos, detentores/as de qualificação de nível 2 que estejam inscritos em Centro Qualifica, ou de nível 3, 4, 5, 6, 7 ou 8 do QNQ; d) Pessoas com deficiência e incapacidade; e) Pessoas que integrem família monoparental; f) Pessoas cujos cônjuges ou pessoas com quem vivam em união de facto se encontrem igualmente inscritos como desempregados no IEFP; g) Vítimas de violência doméstica; h) Refugiados; i) Ex-reclusos/as e aqueles que cumpram ou tenham cumprido penas ou medidas judiciais não privativas de liberdade, em condições de se inserirem na vida ativa; j) Toxicodependentes em processo de recuperação.

Os estágios profissionais do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) têm uma duração de nove meses e destinam-se sobretudo à inserção de jovens no mercado de trabalho ou à reconversão profissional de desempregados.

A candidatura à medida é efetuada pela entidade, no portal NetEmprego, na área pessoal de cada entidade, devendo ser efetuado o registo prévio, caso ainda não esteja registada.

 

Durante este período de candidatura será também possível formalizar o pedido de Prémio ao Emprego, apoiando a celebração de contratos de trabalho sem termo, com ex-estagiários.


Documentos para consulta:

 aviso de abertura 

regulamento

.

Informações e esclarecimentos podem ser obtidos através do Centro de Contacto, disponível todos os dias úteis das 8h00 às 20h00. Tel: 300 010 001.


Para mais informações, clique aqui.