Dia Internacional da Não-ViolênciaAs Nações Unidas comemoram neste 2 de outubro o Dia Internacional da Não Violência. A data foi escolhida pela Assembleia Geral em homenagem ao dia do nascimento do líder indiano Mahatma Ghandi

Mahatma Gandhi foi um dos maiores líderes pacifistas da história, levando multidões a conhecer e a praticar o significado da não-violência, na sua luta pela independência da Índia. Certa vez, o líder indiano comentou: “Posso até estar disposto a morrer por uma causa, mas nunca a matar por ela!”.

A ONU esforça-se por utilizar esta força para vencer os preconceitos, pôr fim aos conflitos e promover o respeito e a compreensão mútua entre os povos e os países. O apelo ao princípio da não-violência está presente em toda a Carta das Nações Unidas: “praticar a tolerância, […] viver em paz uns com os outros, num espírito de boa vizinhança; assegurar… que não se fará uso da força, a não ser para a defesa do interesse comum”.

Neste Dia Internacional da Não-Violência a ACEGIS apela à construção da cultura da paz, não-violência, respeito pela diversidade cultural e diálogo entre os povos, através da promoção dos valores da cidadania, igualdade e direitos humanos.

O desafio é grande.  Contamos com todos(as) !

Susana Pereira

Fundadora e Presidenta Executiva da ACEGIS,

Represente Nacional da IPYG – Grupo Internacional de Jovens pela Paz